15º Troféu YAMAHA 2018
MOTO / MOTO4

REGULAMENTO DESPORTIVO

A YAMAHA Motor Europe N.V. – Sucursal em Portugal, promove o seu 15º Troféu desportivo para motos e moto4, a disputar no ano de 2018, que se rege pelo presente regulamento.
Promotor: YME N.V. – Sucursal em Portugal
Patrocinador Principal: YAMAHA
Patrocinadores: YAMALUBE, Cofidis e Valorpneu
Parceiro técnico: Motoni
Parceiro Institucional: Federação de Motociclismo de Portugal
Parceiro de Media: Moto Jornal

1 – Organização
1.1 Competência

A organização do Troféu é da exclusiva competência da YAMAHA Motor Europe, N.V. – Sucursal em Portugal, que será representada por uma Comissão, presente em todas as provas.

1.2 Coordenação
A Comissão terá a seu cargo a coordenação desportiva, técnica e de promoção do Troféu.

1.3 provas paralelas
A Organização do Troféu poderá promover, em paralelo às provas de cada dia, algumas provas adicionais de promoção, que não contam nem se enquadram no âmbito do regulamento do Troféu. Tratar-se-á de iniciativas meramente promocionais que não contam para a classificação do Troféu nem se enquadram em nenhuma das classes e nas quais apenas poderão participar pilotos convidados pela organização ou parceiros do Troféu em sintonia com a organização.

2 – Participantes
2.1 Pilotos aceites 

O Troféu YAMAHA 2018 – motos / moto4 é destinado a todos os pilotos, participantes, residentes em Portugal, de idade superior a 5 anos, desde que utilizem motos / moto4, tal como identificados por este regulamento. A organização do Troféu poderá abrir a participação a pilotos estrangeiros, que serão convidados pela organização do Troféu.

 

2.2 Pilotos com idade inferior a 18 anos
No caso dos pilotos, participantes, com idade inferior a 18 anos é obrigatória a apresentação de autorização ou termo de responsabilidade por parte do responsável pelo menor.

 

2.3 Classe Pilotos Oficiais
Não podem participar nas classes, modelos de moto ou moto4, pilotos com palmarés nacional que tenham obtido até ao 5º lugar inclusive, seja num Campeonato Nacional ou num Troféu Nacional, nas seguintes modalidades:
Todo-o-Terreno (moto ou quad), Resistência TT (quad), Superquad, Supermoto, Enduro, Motocross, Supercross, Quadcross e Cross Country (moto ou quad), nos últimos 3 anos, 2015, 2016 e 2017).
Não contam para esta restrição, as classes de infantis, iniciados, veteranos e classes promoção de todos os campeonatos, assim, como qualquer classe de mini-motos.
Os pilotos anteriormente referidos apenas podem participar inscritos na classe Pilotos Oficiais, das respetivas categorias, moto ou moto4. Para participar nas classes Pilotos Oficiais Moto ou Moto4 é necessária uma Licença Regional ou Nacional de 2018 emitida pela Federação de Motociclismo de Portugal.

 

2.3.1 Pilotos vencedores de anos anteriores
Os pilotos vencedores das classes “250 Moto”, “450 Moto” e “450 Moto4” das edições do Troféu YAMAHA, 2013, 2014, 2015, assim como os vencedores das classes “YZ 250F”, “WR 250F”, “YZ 450F”, “WR 450F” e “450 Moto4” de 2016 e 2017, não poderão participar nas nessas de 2018 do Troféu. Os pilotos visados deverão / poderão participar na classe Pilotos Oficiais, Moto ou Moto4, exceção feita, se participarem noutra classe ou tipo, por exemplo, vencedor em Moto e participar em Moto4, ou vice-versa. No caso dos vencedores das “250 Moto”, (em 2017, YZ 250F e WR 250F), e “450 Moto”, (em 2017, YZ 450F e WR 450F), não poderão trocar de classe, ou seja, ter sido vencedor “250 Moto”, (em 2017, YZ 250F e WR250F), e participar em “450 Moto”, (em 2017, YZ 450F e WR 450F), e vice-versa, ao utilizarem uma moto 250 ou 450, terão que se inscrever nos Pilotos Oficiais.
Para participar nas classes Pilotos Oficiais Moto ou Moto4 é necessário que o piloto seja detentor de uma licença Regional ou Nacional de 2018 emitida pela Federação de Motociclismo de Portugal.

 

2.3.2 Pilotos com Licença Desportiva Nacional
Não podem participar nas classes, YZ 250F, WR 250F, YZ 450F, WR 450F, Veteranos Moto, 450 Moto4, 700 Moto4 e Veteranos Moto4, os Pilotos com Licença Desportiva Nacional válida para 2018 emitida pela Federação Motociclismo de Portugal. Os pilotos nestas circunstâncias só poderão optar pela classe Pilotos Oficiais Moto, ou Moto4.

 

2.3.3 Prestação de informações erradas
Caso algum piloto preste erradamente informações acerca dos pontos 2.3, 2.3.1, 2.3.2, que o levem a participar em qualquer classe que não a correta, depois de provada essa situação, este será desclassificado de todas as provas do Troféu em que tenha participado erradamente, perdendo o direito aos pontos, prémios e troféus que, entretanto, lhe tenham sido atribuídos. Poderá participar na prova seguinte com novo número de competição e na classe correta.
No caso do piloto se negar a devolver os prémios erradamente atribuídos, este não poderá participar em nenhuma classe do Troféu até a situação estar regularizada. Pode também e de forma definitiva ser proibida de participar no Troféu YAMAHA, caso a organização assim o entenda.

 

2.4 Inscrição em múltiplas classes 
Um piloto poder-se-á inscrever em uma ou mais classes na condição de fazer sempre as respetivas inscrições e ter sempre o número respetivo de cada classe ostentado na moto ou moto4 e na camisola.
No caso de a direção de corrida decidir juntar quer em treinos quer em corridas, as classes onde o mesmo piloto está inscrito, este, terá que optar por uma classificação na classe que desejar. No caso de a direção de corrida alterar o esquema no decorrer do dia de corrida, o piloto não terá direito a qualquer reembolso.

 

2.5 Colete refletor para auxiliar em pista
Para a Classe Infantis Moto/ Infantis Moto4, será fornecido um colete refletor nas verificações técnicas a cada pessoa responsável por cada um dos pilotos, em participação em cada prova. Colete esse, que o identificará e autorizará a entrada em pista para auxilio, caso seja necessário ao piloto em treinos ou corrida. Este colete deverá ser obrigatoriamente devolvido à organização em conjunto com o “transponder” no fim treinos ou corrida.  No caso da pessoa responsável não proceder à entrega do mesmo após o final da corrida do dia em conjunto com o “transponder” o piloto poderá vir a ser desclassificado.

 

3 – Classes Moto / Moto4
3.1 - Classes, Numerações, Idades e Veículos Admitidos – Moto / Moto4

- Infantis Moto – (01 ao 39)
(dos 5 aos 8 anos)
(PW50, TTR50E)
- Iniciados Moto – (51 ao 99)
(dos 9 aos 14 anos)
(PW80, TTR90, TTR110)
- Classe YZ 85 – (501 ao 529)
(dos 9 aos 16 anos)
(YZ80, YZ85, DT125R)
- FunBike TTR 125 – (751 ao 799)
(Maiores de 12 anos)
(TTR125)
- YZ 250F - (201 ao 269)
(Maiores de 12 anos)
(YZ125LC, YZ250F)
- WR 250F - (271 ao 299)
(Maiores de 12 anos)
(WR250F)
- YZ 450F - (301 ao 369)
(Maiores de 12 anos)
(YZ250LC, YZ426F, YZ450F)
- WR 450F - (371 ao 399)
(Maiores de 12 anos)
(WR426F, WR450F)
- Pilotos Oficiais Moto - (requer Licença Desportiva Regional ou Nacional) - (101 ao 149)
(Maiores de 12 anos)
(YZ125LC, YZ250LC, YZ250F, WR250F, YZ450F, WR450F)
- Veteranos Moto (401 ao 449)
(Maiores de 35 anos)
(YZ125LC, YZ205LC, YZ250F, WR250F, YZ450F, WR450F)
- Clássicas Enduro (801 ao 849)
(Maiores de 12 anos)
(DT50/LC, DT125R, WR125R, XT350, XT600E, XT660R, XTZ660/750/1200)
- Clássicas Cross (851 ao 899)
(Maiores de 12 anos)
(Modelos de motocross/enduro anteriores a 1999)
- Infantis Moto4 – (41 ao 49)
(dos 5 aos 8 anos)
(YFM50 Raptor, YFM80 Badger / Raptor, YFM90 Raptor)
- Iniciados Moto4 – (551 ao 579)
(dos 8 aos 14 anos)
(YFM90 Raptor, YFM125 Breeze / Grizzly, YFS200 Blaster, YFM 250R Raptor)
- Fun Moto4 - (181 ao 189)
(Maiores de 12 anos)
(YFS200 Blaster, YFM250R Raptor, YFM350X, YFM350R Raptor, Wolverine 350/450)
- 450 Moto4 - (601 ao 699)
(Maiores de 12 anos)
(YFZ450, YFZ450R)
- 700 Moto4 - (701 ao 749)
(Maiores de 12 anos)
(YFM660/700R, YFZ350 Banshee)
- Pilotos Oficiais Moto4 - (requer Licença Desportiva Regional ou Nacional) - (151 ao 179)
(Maiores de 12 anos)
(YFS200 Blaster, YFM250R Raptor, YFM350/450 Wolverine, YFM350X Warrior, YFM350R
Raptor, YFM660R, YFM700R Raptor, YFZ350 Banshee, YFZ450, YFZ450R)
- Veteranos Moto4 (451 ao 499)
(Maiores de 35 anos)
(YFS200 Blaster, YFM250R Raptor, YFM350/450 Wolverine, YFM350X Warrior, YFM350R
Raptor, YFM660R, YFM700R Raptor, YFZ350 Banshee, YFZ450, YFZ450R)

 

3.2 - Veículos admitidos 
Só serão admitidos Motos / Moto4 comercializados pela YAMAHA Motor Europe N.V – Sucursal em Portugal, podendo verificar-se alguma exceção, apenas para pilotos convidados, ou eventuais situações autorizadas pela Organização Troféu YAMAHA.

 

4. - Regulamento técnico
4.1 - Motor
4.1.1 Preparação técnica

A preparação técnica do motor será livre, excetuando o bloco, cabeça e cilindros do motor, que deverão ser, obrigatoriamente, originais, podendo, no entanto, estes serem trabalhados, não sendo permitido alterar as cotas do motor / cilindrada.

 

4.1.2 Número do motor
O número do motor terá de estar bem visível e de fácil identificação.

 

4.2 - Chassis
4.2.1 Número

O chassis tem que ser o original do modelo e com o número de quadro correspondente bem visível, excetuando alguma alteração aprovada previamente pela YAMAHA.

 

4.2.2 Fisionomia geral do modelo
Os concorrentes devem manter a fisionomia geral do modelo, sendo obrigatório manter os guarda-lamas e o depósito de combustível originais, (excecionalmente podem ser autorizados depósitos de maior capacidade, de acordo com aprovação prévia da Organização do Troféu). Os guarda-lamas poderão ser cortados (mediante aprovação da Organização do Troféu).

 

4.2.3 Proteções laterais entre as rodas (nerfbars)
É obrigatório a utilização de proteções laterais entre as rodas (nerfbars) no caso dos moto4, de modo a evitar o contacto dos pés do piloto com as mesmas (exceção feita aos YFM50 e YFM80).

 

4.2.4 Sistema de corte de corrente
É obrigatório o uso de um sistema de corte de corrente para os moto4 através de um cabo ligado ao piloto, de modo que o sistema de ignição seja desligado assim que o piloto abandone o moto4.

 

4.2.5 Placa de fixação com o número de concorrente
Será obrigatório o uso de uma placa de fixação com o número de concorrente nos moto4, colocada na parte posterior do moto4 de forma perfeitamente visível lateralmente, ou placa tipo Quadcross, virada para trás.
Esta placa será obrigatoriamente de material flexível com as dimensões de 25 cm de largura por 20 cm de altura.
Nas motos os números serão colocados nas zonas destinadas à colocação de número de piloto.

 

4.2.6 Depósitos de combustível suplementares
Não será permitida a utilização de depósitos de combustível suplementares, ligados ou não ao depósito principal. Qualquer situação de exceção poderá ser analisada e autorizada pela Comissão do Troféu.

 

4.3 - Verificações técnicas
4.3.1 Sujeitos a verificações técnicas

Todas as motos e moto4 presentes para cada prova serão sujeitos a verificações técnicas prévias, da responsabilidade da Comissão Técnica do Troféu.

 

4.3.2 Verificações posteriores
A Comissão Técnica do Troféu poderá proceder a verificações posteriores a cada prova se existirem dúvidas no cumprimento deste regulamento. Na sequência deste procedimento, nenhuma responsabilidade poderá advir, ou ser imputada à Comissão Técnica do Troféu, ou qualquer outro órgão do Troféu.

 

4.3.3 - Reclamação sobre outro piloto
Todos os pilotos têm a faculdade de efetuar uma reclamação sobre outro piloto, a título administrativo ou técnico.
No caso, da reclamação ser efetuada a título administrativo, esta deverá ser entregue por escrito no secretariado de qualquer prova ou para a morada ou e-mail do secretariado do Troféu Yamaha.
No caso, da reclamação ser efetuada a título técnico, esta deverá ser entregue por escrito e só poderá ser efetuada no decorrer de uma prova e terá que ser entregue no secretariado antes do início da entrega de prémios, acompanhada de pagamento de um depósito garantia no valor de 250,00 € por parte do reclamante.
O valor do depósito de garantia será devolvido caso a reclamação seja julgada procedente.

 

4.3.4 Suporte de transponder
Será obrigatório que todos os participantes possuam um suporte de transponder afixado na sua moto ou moto4 compatível com os transponders da equipa de cronometragem do Troféu. Os pilotos que não possuírem este equipamento podem adquirir o mesmo nas Verificações Técnicas pelo valor de 8€. Esta medida torna-se obrigatória e imprescindível de modo a proporcionar o normal desenrolar da prova e o cumprimento do horário da mesma.

 

5 – Calendário de Provas
5.1 Datas e Locais 

As provas pontuáveis para este Troféu serão disputadas nas seguintes datas e localidades:
1ª Prova – 4 de Março de 2018 – Pegões.
2ª Prova – 1 de Abril de 2018 – Alpiarça.
3ª Prova – 13 de Maio de 2018 – Évora.
4ª Prova – 24 de Junho de 2018 – Rio Maior.
5ª Prova – 02 de Setembro de 2018 – Nazaré.

 

5.2 Aditamentos
Para cada prova será publicado um aditamento a este regulamento onde constará o formato e todo o alinhamento da prova em causa, bem como a forma como a mesma se desenrolará, para além do próprio horário, assim como o mapa da pista.

 

6. - Inscrições
6.1 – Processo de inscrição 
6.1.1 Local

Todos os pilotos que desejem participar no Troféu deverão consultar com a devida antecedência o website do troféu Yamaha em www.trofeuyamaha.com e preencher todos campos assinalados no formulário de participação.

 

6.1.2 Preenchimento 
Todos os campos do formulário de inscrição deverão ser obrigatoriamente preenchidos e o piloto deverá prestar todas as informações com a máxima exatidão.
 
6.1.3 Submissão
Depois do preenchimento do formulário de inscrição, deverá submeter a sua inscrição para a Yamaha carregando em “enviar.”

 

6.1.4 Valor de inscrição  
Os valores a pagar pelas inscrições nas várias provas do Troféu YAMAHA 2018, são diferenciadas e seguem o formato e valores estabelecidos de acordo com o plano de inscrições tal como está patente no anexo 1., deste regulamento.
Esta diferenciação visa promover, unicamente, uma maior participação de todos os pilotos YAMAHA, em especial daqueles que normalmente se encontram mais distantes dos locais de realização das várias provas.

 

6.1.5 Inscrição inclui
A inscrição inclui seguro de acidentes pessoais, uma camisola todo-o-terreno oficial do Troféu YAMAHA 2018, com o número de concorrente estampado e números autocolantes para as motos / moto4. 

 

6.1.6 Modo de pagamento – referência Multibanco
No prazo de 1 dia útil irá receber um email do info.trofeuyamaha@yamaha-motor.pt com as referências multibanco, para efetuar o pagamento da sua inscrição. Deverá conservar o comprovativo do mesmo até ao dia da prova, poderá surgir o caso da Secretaria do Troféu o solicitar.

 

6.1.7 Pilotos do sexo feminino
Na edição de 2018 a inscrição de todos os pilotos do sexo feminino terão uma redução de 50% do seu valor em relação aos pilotos do sexo masculino, havendo no entanto prémio simbólico de presença em todas as provas para todos os pilotos do sexo feminino.

 

6.1.8 Incremento de inscrição no local. 
Inscrições efetuadas no local sofrem um incremento de 20€, ao valor total da inscrição, independente da classe ou distrito. 

 

6.2 Prazos de pagamentos.
6.2.1 “inscrições pagas”

Serão consideradas “inscrições pagas” as inscrições cujo pagamento foi realizado até ao final do dia da última sexta-feira antes da prova.

 

6.2.2 “inscrições novas ou não pagas”
Serão consideradas “inscrições novas ou não pagas” a) inscrições efetuadas no local e neste caso aplica-se o incremento mencionado no ponto 6.1.8 b) inscrições cujo o pagamento foi efetuado após o final do dia da sexta-feira que antecede a prova. 

 

6.3 Divisão de inscritos em dia de prova.
6.3.1 Acesso a fila “inscrições pagas”

Pilotos com a inscrição e pagamento efetuados até ao final do dia da última sexta-feira antes da prova poderão se dirigir diretamente à fila assinalada como “inscrições pagas” onde poderão assinar a documentação de inscrição, termos de responsabilidade médica e declaração de menores (no caso de idade inferior a 18 anos deverá estar acompanhado pela pessoa responsável), levantar a respetiva camisola e passar diretamente para as verificações técnicas. 

 

6.3.2 Acesso a fila “inscrições novas ou não pagas”
A esta fila deverá aceder todo o piloto que: a) não tenho até á data efetuado a sua inscrição b) tenha a sua inscrição feita, mas não paga c) tenha inscrição feita e paga após a última sexta-feira antes da prova. Neste caso deverá se fazer acompanhar pelo comprovativo de pagamento. 

 

6.4 considerações adicionais relativas a inscrições 
6.4.1 Informação relativa ao domicílio

A informação relativa ao domicílio – atual – de cada piloto, tal como em 2017, assume uma especial relevância nesta décima quinta edição do Troféu.
A importância da veracidade desta informação advém do facto de em 2018 a YAMAHA – único promotor do Troféu – ter decidido dar continuidade ao esquema de descriminação positiva dos participantes / pilotos com vista a fazer decrescer os custos de participação em função do local de residência de cada piloto, para cada uma das cinco provas do Troféu YAMAHA 2018
Na prática, quanto maior for a distância entre o local de residência atual do piloto e o local de realização da prova, menor será o custo da inscrição, conforme previsto e estabelecido pelo anexo 1 a este regulamento. Perante isto, e no caso da morada dada pelo piloto, (independentemente de ser sua propriedade), não corresponder à morada onde realmente vive atualmente, esta situação, poderá ter como consequência uma punição para o piloto, que poderá ir desde a obrigatoriedade de pagamento da taxa máxima de inscrição para a sua classe, até à sua desclassificação de todo o Troféu YAMAHA.

 

6.4.2 Limites de inscrições 
As inscrições estão limitadas a 50 participantes por classe, reservando a organização a possibilidade de alterar este número, caso se justifique.

 

6.4.3 Devolução do valor da inscrição
Caso se verifique a recusa por parte da organização de qualquer inscrição, a devolução do valor da inscrição decorrerá no prazo máximo de 8 dias úteis após a prova.

 

6.4.4 Prioridade nas inscrições.
No caso de se atingir o limite de inscrições para o troféu será atribuída uma prioridade nas inscrições de acordo com o seguinte critério:
1º - Os participantes que se inscrevam na totalidade das cinco provas do Troféu.
2º - Pelo maior número de presenças anteriores.
3º - Por sorteio

6.4.5 Inscrições reservada à organização 
Estão reservadas para a organização cinco inscrições por classe a atribuir a pilotos convidados.

 

6.4.6. Beneficio associado à inscrição no Troféu YAMAHA 2018
Como beneficio associado à inscrição no Troféu YAMAHA 2018 os pilotos terão direito a um desconto de 20% sobre o preço de venda ao público em peças e acessório genuínos YAMAHA, adquiridos na rede de concessionários autorizados YAMAHA em Portugal, desde que apresentado o número da inscrição válida referente à época 2018 do troféu YAMAHA. Os descontos são válidos 10 dias uteis antes da primeira prova, no decorrer da época do troféu e até 10 uteis depois da última prova.

 

7. – Classificações
7.1 – Classificações por prova
7.1.1 Responsabilidade

A classificação final de cada prova é da responsabilidade da equipa de cronometragem presente em cada prova que deverá ser aprovada pela Comissão do Troféu, sendo sempre provisória até que seja homologada por decisão final que sairá da reunião de prova a realizar, no máximo, nos dois dias úteis seguintes à data da prova.

 

7.1.2 Atribuição de pontos
A cada classe será atribuída uma pontuação por prova conforme o nº 8.1 deste Regulamento.

 

7.2 Classificação no Troféu
7.2.1 Forma de classificação

Para efeitos de classificação final no Troféu, contará a soma da pontuação de todas as provas de acordo com a classificação obtida, conforme o aditamento de cada prova, que poderá ter uma ou mais pontuações por prova.

 

7.2.2 Empate no final do Troféu
Em caso de empate no final do Troféu proceder-se-á ao desempate pela seguinte ordem de critérios referentes à edição de 2018:
I. Maior número de primeiros lugares;
II. Maior número de segundos lugares, e assim sucessivamente;
III. Melhor volta na última corrida em que ambos tenham participado;
IV. Melhor volta no último treino cronometrado em que ambos tenham participado;
V. Melhor posição obtida na última corrida pontuável do Troféu YAMAHA.

 

8.- Pontuações
8.1 – A pontuação a atribuir em cada prova e por classe será a seguinte:

1º Classificado - 25 pontos
2º Classificado - 20 pontos
3º Classificado - 16 pontos
4º Classificado - 13 pontos
5º Classificado - 11 pontos
6º Classificado - 10 pontos
7º Classificado - 9 pontos
8º Classificado - 8 pontos
9º Classificado - 7 pontos
10º Classificado - 6 pontos
11º Classificado - 5 pontos
12º Classificado - 4 pontos
13º Classificado - 3 pontos
14º Classificado - 2 pontos
15º Classificado - 1 ponto

 

9. Penalizações
9.1 Tipos de penalização 
9.1.1 Falsa Partida

A penalização por falsa partida será atribuída pelo Diretor de prova em função da manobra efetuada pelo piloto.
O piloto pode ser penalizado com um “Stop and Go” de 5 segundos, ou com uma penalização de tempo a juntar ao
tempo total da sua prova.
No caso do “Stop and Go”, este deverá acontecer num local seguro próximo à linha de meta e por indicação de um
comissário de pista, que deverá mostrar ao piloto em causa uma placa “Stop and Go” com o seu número de piloto.
Se o piloto não cumprir a penalização em 3 passagens pela linha de meta, ser-lhe-á mostrada a bandeira preta
juntamente com o seu número de piloto, resultando na sua desclassificação da corrida.
Se a penalização for em tempo a juntar ao tempo total de corrida, ser-lhe-á mostrada num local seguro próximo à
linha de meta, uma placa “Penalização 1 Minuto” com o seu número de piloto, esta placa será mostrada durante 3
passagens pela meta.

 

9.1.2 Desrespeito pela sinalização dos comissários de pista
A penalização por desrespeito à sinalização dos comissários de pista, (bandeiras amarelas, azuis, vermelha, etc.), será feita de acordo com relatório elaborado e assinado pelo comissário de pista e posteriormente validado em reunião com a direção de prova. Esta avaliação vai acontecer em dois momentos do dia de prova, um no final de todos os treinos cronometrados e outro no final de todas as corridas. Podendo, entretanto, as classificações provisórias afixadas sofrerem alterações.
As penalizações poderão ser uma advertência verbal, um ou dois minutos a acrescentar à melhor volta dos treinos cronometrados ou ao tempo total de corrida dependendo de onde foi verificada a infração. Se a infração de desrespeito à bandeira amarela for verificada várias vezes pelo mesmo piloto durante os treinos ou corridas, a direção de prova pode ordenar a amostragem de bandeira preta com o número do respetivo piloto e natural desclassificação da sessão de treinos ou corrida.

 

9.1.3 Outras Penalizações
Desclassificação por desrespeito a qualquer membro da organização ou seu parceiro local.
Desclassificação por circularem sentido contrário no circuito.
Desclassificação por circular com a moto ou moto4 de forma irresponsável no Paddock ou em zonas de público.
Desclassificação por abastecer de combustível fora da zona de assistência.

 

9.1.4 Desrespeito pela boa conduta de circulação no Paddock
Só é possível circular dentro do recinto da prova e mais concretamente no Paddock com a moto/moto4 de competição com o motor em funcionamento desde que se cumpram os seguintes requisitos:
1) A moto/moto4 só pode transportar o seu condutor/a.
2) O/a condutor/a tem que usar equipamento de segurança, no mínimo, o capacete.
3) A velocidade não pode ultrapassar os 10 km/h (no caso do veiculo não ter equipamento que permita ver a velocidade do mesmo, contamos com a responsável avaliação do próprio condutor).
4) No caso da moto/moto4 de competição não estar a ser conduzido pelo seu piloto, toda a responsabilidade será imputada ao piloto inscrito com o número afixado na moto, sendo este sempre responsabilizado pela devida utilização/circulação da a sua moto.
O não cumprimento destas normas terá como penalizações os seguintes níveis, podendo a organização aplicar a sansão que achar mais conveniente à situação exposta.
a) Uma advertência verbal.
b) Um minuto a acrescentar ao tempo total de corrida onde a infração ocorra.
c) Desclassificação da corrida onde a infração ocorra.
d) Desclassificação e exclusão do Troféu 2018.

 

10. Prémios
Os pilotos que faltarem às entregas de prémios perderão o direito aos mesmos, por prova ou no final do Troféu.

 

10.1 – Prémios por Prova - Classes:
- YZ 250F - (201 ao 269)
- YZ 450F - (301 ao 369)
- Pilotos Oficiais Moto - (101 ao 149)
- Veteranos Moto (401 ao 449)
- 450 Moto4 - (601 ao 699)
- 700 Moto4 - (701 ao 749)
- Pilotos Oficiais Moto4 - (151 ao 179)
- Veteranos Moto4 (451 ao 499)

1º Classificado 150,0 € + Troféu
2º Classificado 100,0 € + Troféu
3º Classificado 50,0 € + Troféu

 

10.2 - Prémios Troféu - Classes:
- YZ 250F - (201 ao 269)
- YZ 450F - (301 ao 369)
- Pilotos Oficiais Moto - (101 ao 139)
- Veteranos Moto (401 ao 449)
- 450 Moto4 - (601 ao 699)
- 700 Moto4 - (701 ao 749)
- Pilotos Oficiais Moto4 - (141 ao 179)
- Veteranos Moto4 (451 ao 499)

1º Classificado 300,0 € + Troféu
2º Classificado 200,0 € + Troféu
3º Classificado 100,0 € + Troféu

 

10.3 - Prémios por Prova - classes:
- Infantis Moto – (1 ao 39)
- Iniciados Moto – (51 ao 99)
- Classe YZ85 – (501 ao 529)
- FUN Bike TTR125 – (751 ao 799)
- Clássicas Enduro – (801 ao 849)
- Clássicas Cross – (851 ao 899)
- Infantis Moto4 – (41 ao 49)
- Iniciados Moto4 – (551 ao 579)
- Fun Moto4 – (181 ao 199)
- WR 250F - (271 ao 299)
- WR 450F - (371 ao 399)

1º Classificado - Troféu
2º Classificado - Troféu
3º Classificado - Troféu

 

10.4 - Prémios Troféu - classes:
- Infantis Moto – (1 ao 39)
- Iniciados Moto – (51 ao 99)
- Classe YZ85 – (501 ao 529)
- FUN Bike TTR125 – (751 ao 799)
- Clássicas Enduro – (801 ao 849)
- Clássicas Cross – (851 ao 899)
- Infantis Moto4 – (41 ao 49)
- Iniciados Moto4 – (551 ao 579)
- Fun Moto4 – (181 ao 199)
- WR 250F - (271 ao 299)
- WR 450F - (371 ao 399)

1º Classificado - Troféu
2º Classificado - Troféu
3º Classificado - Troféu

 

11. – Equipamento obrigatório
11.1 Equipamento piloto

Não será permitida a participação de pilotos em treinos, prólogo ou prova que não estejam equipados com capacete integral homologado, óculos, botas, luvas e demais equipamentos de proteção próprios para a prática de todo-o-terreno, assim como a camisola oficial do Troféu.

 

12. – Identificação dos pilotos, veículos e equipa
12.1 Camisola Piloto

Cada concorrente será identificado em todas as fases do Troféu pela camisola todo-o-terreno, oficial Troféu YAMAHA 2018, fornecida pela organização onde constará o número que foi atribuído.
Esta camisola acompanhará o piloto em todo o Troféu.
Qualquer piloto pode adquirir outra no secretariado de qualquer prova pelo valor de 40,00 € (quarenta euros), IVA incluído à taxa legal em vigor.
A camisola também poderá ser adquirida num Concessionário Oficial YAMAHA mediante encomenda prévia.
O uso da camisola oficial do troféu YAMAHA é obrigatório para poder participar no Troféu, exceto para os piloto do “Off Road Camp Yamaha” e pilotos de equipas com estatuto “Yamaha Supported Racing Team” para os quais a produção de equipamento foi previamente aprovada pela Yamaha Motor Portugal

 

12.2 Identificação moto/moto4
Cada Moto/Moto 4 será identificado pelo número atribuído ao concorrente e deverá ser afixado no lugar próprio identificado no ponto 4.2.5 deste Regulamento.

 

12.3 Má colocação, perda de identificação
A má colocação, perda de identificação do piloto ou do veículo durante as provas poderá levar á desclassificação do piloto.

 

13. – Publicidade
13.1
13.1.2 Publicidade obrigatória 

É obrigatória a afixação da publicidade aos patrocinadores e parceiros do Troféu, fornecida pela Organização.

 

14. – Generalidades
14.1 Responsabilidade sobre acidentes

A organização não se responsabiliza no que respeita a acidentes e suas consequências quer tenham sido causados por concorrentes, quer tenham sido estas as vítimas, quer provenham ou não do veículo participante.
Do mesmo modo não lhe será imputada qualquer responsabilidade quanto às consequências de infração de leis, regulamentos e códigos em vigor, a qual deverá ser suportada pelos infratores.

 

14.2 Aplicação de sansões
A organização do Troféu reserva o direito de aplicar sanções que poderão ir até à desclassificação ou exclusão de uma ou mais provas do Troféu, ou à exclusão ou desclassificação de todas as provas do Troféu, a qualquer concorrente que não respeite o presente regulamento, ou que de qualquer forma prejudique o bom nome, imagem e prestígio do Troféu ou dos seus patrocinadores.
Nenhuma responsabilidade poderá ser imputada aos organizadores por eventuais prejuízos que de uma decisão deste tipo possa advir.

 

14.3 Dúvidas sobre a interpretação
Quaisquer dúvidas sobre a interpretação do presente regulamento serão analisadas e decididas pela Comissão do Troféu.

 

14.4  Alteração / ajuste de datas e locais 
O Promotor e a Comissão do 15º Troféu YAMAHA 2018 reservam-se ainda o direito de em qualquer momento alterar / ajustar as datas e locais de realização de cada prova.

 

15. – Seguro Desportivo 2018 -  Pilotos por Prova 

 

15.1 Pessoas Seguras, Riscos E Capitais Garantidos
Para efeitos deste seguro e conforme legislação em vigor para seguro desportivo, ficam abrangidas, na qualidade de Pessoas Seguras, os pilotos inscritos em formulário próprio.

Os Riscos e Capitais Seguros, por sinistro e pessoa segura, são:


 

15.2 Definições
De acordo com as Condições Gerais da Apólice de Acidentes Pessoais Grupo e das Condições Particulares do contrato, ficam cobertos os acidentes ocorridos durante a participação no 15º Troféu Yamaha, garantidos os riscos de acidente devidos à utilização pela pessoa segura de veículos motorizados de duas rodas/quatro rodas.

 

15.3 Informação de sinistro 
Cabe ao piloto ou alguém em sua representação informar, no dia da prova, a organização da mesma da existência do respetivo sinistro e do numero da camisola do piloto envolvido. Apenas com esta informação será possível à organização da prova cumprir com o ponto 15.4

15.4 Participação de sinistro
Compete ao Tomador do Seguro (Yamaha), participar formalmente o sinistro nos 8 (oito) dias imediatos à ocorrência do acidente, por escrito e em impresso próprio da COMPANHIA DE SEGUROS ALLIANZ PORTUGAL, S.A. (ALLIANZ).
Deve ser também enviado conjuntamente com a Participação de Sinistro fotocópia da inscrição na prova.
 

15.5 Exclusões Inerentes ao Risco Contratado
15.5.1Ficam excluídas do âmbito do contrato as situações seguintes:

a) Doença de qualquer natureza, entendendo-se como doença a alteração involuntária do
estado de saúde, não causada por acidente, com sintomatologia manifestada e passível de reconhecimento médico, com salvaguarda para as situações em que se comprove, por diagnóstico médico, que a doença resultou diretamente de Acidente coberto pelo presente Contrato.
b) Consequências de doenças ou estados patológicos pré-existentes, bem como lesões
resultantes de intervenções cirúrgicas ou outros atos médicos não motivados por acidente garantido pelo Contrato.
c) Agravamento das consequências do Acidente por doença ou enfermidade anterior à data daquele. Nestes casos a responsabilidade da Allianz Portugal não poderá exceder a que teria se o Acidente tivesse ocorrido a uma pessoa não portadora dessa doença ou enfermidade.

 

15.5.1 2 Ficam ainda excluídos do âmbito do contrato os Acidentes que resultem das situações seguintes:


a) Cataclismos da natureza, tais como ventos ciclónicos, terramotos, maremotos, outros
fenómenos análogos nos seus efeitos e ainda ação de raio;
b) Distúrbios laborais, tumultos e quaisquer outras alterações da ordem pública ou rebelião, com salvaguarda das situações em que, comprovadamente, a Pessoa Segura tenha sido surpreendido por eles, não tendo tido nos mesmos qualquer participação ativa;
c) Atos de terrorismo e sabotagem ou insurreição;
d) Revolução, guerra civil, invasão e guerra declarada ou não contra país estrangeiro, hostilidades entre nações estrangeiras, quer haja ou não declaração de guerra, e atos
bélicos provenientes direta ou indiretamente dessas hostilidades;
e) Explosão ou quaisquer outros fenómenos direta ou indiretamente relacionados com a
desintegração ou fusão de núcleos de átomos, bem como os efeitos da contaminação
radioativa;
f) Acidentes resultantes de atos dolosos ou gravemente negligentes relativos a inobservância das disposições preventivas das leis e regulamentos, em geral, e, em especial, das leis e regulamentos que digam respeito à prática das diversas atividades desportivas, culturais e recreativas se imputáveis à Pessoa Segura ou ao beneficiário.
g) Prática de Mergulho, atividade sujeita a legislação específica.

Anexo 1. – Valores de inscrição

YAMAHA Motor Europe N.V – Sucursal em Portugal.
Rua Cidade de Córdova 1 - Alfragide2610-038 Amadora
www.trofeuyamaha.com
www.yamaha-motor.eu/pt
info.trofeuyamaha@yamaha-motor.pt
Telef.: +351 214 722 100
Fax: +351 214 722 199

Patrocinadores Oficiais

Parceiro Institucional

Parceiro Tecnico

Parceiro Média

© 2019 Trofeu Yamaha. Criado orgulhosamente por Mercado Digital

  • White Facebook Icon
  • White Twitter Icon
  • White YouTube Icon
  • meo_kanal